Mijar

 

 

INQUÉRITO SOBRE O COMPORTAMENTO DO HOMEM NO MICTÓRIO

TIPO SOCIAL

Mija junto com seus companheiros, mesmo que não sinta

vontade, diz que não custa e que dá prazer ser

solidário.

TIPO TÍMIDO

Não consegue mijar na frente dos outros, diz que já

mijou e que mais tarde voltará.

TIPO BARULHENTO

Assobia, cantarola enquanto mija, fala forte,

sacode-se todo.

TIPO NERVOSO

Não acha a abertura da cueca, fica afobado e, zangado,

arranca o botão da calça.

TIPO LOUCO

Mija nas calças, nas pernas, nos sapatos, vai embora

com a calça aberta, arruma o saco e a camisa dentro da

calça já fora do banheiro.

TIPO ESPERTO

Mija sem segurar a ferramenta e, enquanto isso,

conserta a gravata.

TIPO DISTRAÍDO

Abre o colete, puxa a gravata e mija na calça.

TIPO VAIDOSO

Abre os cinco botões, quando bastaria um só.

TIPO BRUTAL

Bate a ferramenta na beirada da privada para fazer

cair as últimas gotas e depois torce.

TIPO FRÍVOLO

Diverte-se mijando contra a corrente de água, embaixo

ou lateralmente da bacia, tenta mijar nas moscas ou na

pedra de desinfetante pendurada na privada.

TIPO CURIOSO

Cada vez que vai mijar faz uma inspeção minuciosa na

ferramenta para ver se está tudo em ordem.

TIPO HIGIÊNICO

Pega com toda a cautela a ferramenta, enxuga-a com

papel higiênico para não molhar a cueca. Lava bem a

mão com sabonete e desinfeta com álcool.

TIPO ALEGRE

Enquanto mija conta vantagem, ri sem parar, caçoa da

ferramenta dos outros e, acabando de mijar, sacode a

ferramenta como se fosse um chocalho.

TIPO SUSPEITO

Ao mijar peida silenciosamente, cheira o ambiente de

tal forma que deixa todos curiosos para saber quem

foi, e depois olha significativamente para um vizinho,

acusando-o veladamente.

TIPO ALEIJADO

Mija no chão, no sapato, na calça e até nos que estão

ao lado. Pede desculpas e, para que ninguém o

critique, comenta que precisa ser operado da fimose.

TIPO RESMUNGÃO

Fica parado, incerto, começa a dizer palavrões,

amaldiçoa tudo que vê. Faz força para mijar e nada

consegue, faz força novamente e nada. Tenta mais uma

vez e se desespera. Ficando com o saco cheio, de raiva

guarda a ferramenta sem ter mijado e vai embora

resmungando.

barrafer3.gif (5373 bytes)

No mictório

01. BÊBADO- Segura o polegar esquerdo com a mão direita e mija nas calças.

02. CONCEITUADO- Segura a pingola de 5 cm como se fosse um taco de golfe.

03. CRIANÇA- Mija diretamente no fundo do mictório. Gosta de ver as bolhas.

04. DESESPERADO- Espera numa longa fila, range os dentes e mija nas calças.

05. DESORIENTADO- Fica parado um tempo, desiste e vai embora.

06. DISTRAÍDO- Abre o casaco, tira gravata para fora e mija nas calças.

07. DURO- Bate com a pingola nos lados do mictório para eliminar o último

pingo.

08. EFICIENTE- Aguarda ter que cagar, e então faz as duas coisas juntas.

09. EXCITÁVEL- Cuecas estão torcidas. Não consegue achar o buraco. rasga as

cuecas

10. FRÍVOLO- Brinca com o jato de urina para cima, para baixo, para os

lados e tenta atingir alguma mosca ou toco de cigarro.

11. GORDO- Dá um passo atrás e faz um tiro cego ao mictório e mija no

sapato.

12. HÁBIL- Sem as mãos, arruma a gravata, fica olhando pelos lados e

usualmente mija no chão.

13. INDIFERENTE- Se todos os mictórios estiverem sendo usado, mija na pia.

14. PACIENTE- Fica parado junto por um longo tempo, enquanto lê com a mão

livre.

15. PREOCUPADO- Sem certeza de onde tem andado ultimamente, faz uma rápida

inspeção na ferramenta.

16. SACANA- Peida silenciosamente enquanto mija, age inocentemente, sabe

que o cara no mictório ao lado vai levar a culpa.

17. SOCIÁVEL- Se junta aos amigos para uma mijada, quer tenha necessidade

de mijar ou não.

18. TÍMIDO- Não consegue mijar se outro estiver olhando, dá descarga no

mictório e volta mais tarde.

19. VESGO- Olha no mictório ao lado para ver o tamanho da ferramenta do

outro sujeito.

 

 Copyright 2002  Fernandão Homepage
 Todos os direitos reservados